domingo, 17 de agosto de 2014

Lula convoca militantes para "guerra" na Internet

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silvapublicou nesta quarta-feira (16), em sua página no Facebook, uma quarta na qual volta a criticar a imprensa brasileira. No texto, Lula convoca a militância petista a usar a internet para “mostrar dados que não aparecem em outros lugares” e defender os feitos do governo federal.
“Não devemos ficar apenas reclamando que não temos espaço em outras mídias. Vamos utilizar essa ferramenta fantástica que é a internet para falar do nosso projeto, mostrar o que já fizemos e, claro, ouvir críticas, sugestões e questionamentos”, diz o texto.
Na semana passada, durante discurso na 3ª Conferência Global sobre o Trabalho Infantil, o ex-presidente não perdeu a oportunidade de criticar a imprensa e o critério de escolha das notícias veiculadas.
— Eu até cheguei a perguntar se a imprensa tinha sido barrada no evento. Porque essa conferência mereceu menos atenção do que qualquer outro assunto banal no noticiário brasileiro. É uma pena que as coisas banais, secundárias sejam tratadas de forma quase que sensacionalista. [...]
Na ocasião, Lula ainda citou críticas feitas aos programas de transferência de renda, ressaltando que a imprensa costuma privilegiar focos negativos.
— Nós fomos criticados agora, quando foram clonados 80 carnês do Bolsa Família. Ao invés das manchetes de jornais serem manchetes contra os clonadores, falaram que havia fraude no Bolsa Família. 
Leia a íntegra da carta de Lula.
“Companheiro/a, Quero chamar sua atenção sobre a importância das mídias sociais. Todos sabem que a internet está sendo cada vez mais utilizada pelas pessoas para conversar sobre política e se informar sobre o que está acontecendo no Brasil e no mundo. Nós temos que estar presentes também nesse espaço, explicando nosso projeto, mostrando os resultados concretos que alcançamos e ouvindo o que as pessoas têm a dizer.
Não existe tema em que não tenhamos grandes avanços para mostrar.
É nosso papel mostrar dados que não aparecem em outros lugares. Quem se informa e debate política pela internet precisa saber das histórias dos mais de um milhão de jovens filhos da classe trabalhadora que chegaram à universidade pelo Prouni; das 14 milhões de famílias pobres que antes eram abandonadas, e hoje podem ter uma vida mais digna graças ao Bolsa Família; ou de alguém que conseguiu um dos mais de 20 milhões de empregos gerados no Brasil nesses últimos 10 anos.
Não devemos ficar apenas reclamando que não temos espaço em outras mídias. Vamos utilizar essa ferramenta fantástica que é a internet para falar do nosso projeto, mostrar o que já fizemos e, claro, ouvir críticas, sugestões e questionamentos. Esse debate é essencial para consolidarmos ainda mais a trajetória de crescimento, democracia e diminuição de desigualdades que nosso país vem percorrendo.
Acompanhe, curta e participe das páginas do PT nas redes sociais e se informe. Crie os seus canais de comunicação, escreva, grave vídeos e debata nas redes sociais. E lembre sempre de checar as informações antes de divulgá-las. Não vamos colaborar com a criação de uma série de informações e acusações falsas que têm surgido na rede.
Junte seus amigos, sua família, seus companheiros de partido e participe discutindo nas redes, nos espaços partidários e nas ruas. Quanto mais gente participar, quanto mais a política for debatida, mais consolidada estará a nossa democracia e mais nosso país avançará em direção a uma sociedade mais justa para todos.
Participe deste debate e vamos continuar transformando o Brasil!”
Via R7

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...