segunda-feira, 8 de junho de 2015

Codevasf investe na palma forrageira no Sertão pernambucano

palmasA 3ª Superintendência Regional da Codevasf vai beneficiar nove municípios do Sertão pernambucano com Unidades de Multiplicação da Palma Irrigada (UMPs), dentro do Projeto de Desenvolvimento Sustentável da Palma Forrageira (Repalma). O objetivo da ação é implantar unidade de produção de palma em áreas onde a planta foi dizimada pela praga da cochonilha de carmim.
Foram contemplados os municípios de Bodocó, Serra Talhada, Águas Belas, Ouricuri, Trindade, Granito, Parnamirim, Santa Filomena e Dormentes. A estimativa da Codevasf é de que pelo menos 120 mil hectares de palma, dos 150 que existiam em Pernambuco, tenham sido dizimados pela cochonilha.
Com o intuito de agilizar a produção de palmas, cada unidade contará com um poço artesiano, galpão de apoio, caixa d´água com capacidade para 20 mil litros e sistema de irrigação por gotejamento para hectare. As ações já começaram nos municípios de Bodocó, Ouricuri e Granito com a perfuração dos poços. As unidades ainda recebem tratores e implementos como carroça agrícola, grade aradora, adubo, distribuidor de calcário, sulcador e grade niveladora.
Da redação do Blog Alvinho Patriota

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...